PEELING MILÉNIO

O que é o peeling milénio?

Peeling milenioO peeling milénio é um peeling médio no qual se combinam vários produtos para obter um peeling «desenhado» para cada paciente.

A mistura dos agentes a utilizar depende do problema a tratar (rugas, marcas de acne…), da sua localização (testa, zona peribucal…) e da cor e tipo de pele (oleosa ou seca). Pode efetuar-se em qualquer pessoa independentemente da idade e da cor de pele.

Para que serve o peeling milénio?

O peeling milénio pode ser feito em diversas partes do corpo como o rosto, pescoço, decote, mãos ou mesmo os genitais externos.

Serve para tratar os sinais de envelhecimento da pele, como rugas, elastose e/ou alterações pigmentares mas também outras condições como acne, marcas de acne, cicatrizes, estrias, foliculite (da barba por exemplo), entre outras.

O protocolo varia conforme a situação clínica mas pode ser repetido as vezes necessárias com um intervalo de pelo menos 1 mês. Se nas foliculites pode bastar um, para as marcas de acne podem ser necessários vários.

Como fazemos o peeling milénio?

O peeling milénio, regra geral, é combinado com a aplicação de vitaminas e antioxidantes para que a pele esteja «nutrida» e preparada para o processo de renovação que se segue. Nas marcas de acne, este elemento é fundamental.

É um procedimento seguro que se realiza em consultório, sem sedação nem analgesia e tem um protocolo simples. O paciente sai da clínica como entrou, podendo apenas ter a pele mais ruborizada. Nos casos de marcas de acne pode ser necessário utilizar um protocolo mais «agressivo» por exemplo através da combinação com microdermoabrasão.

A pele começa a descamar pelo 2º dia e, geralmente, ao final de quatro-cinco dias, a sua renovação está concluída. No caso das marcas de acne podem ser necessários mais dois ou 3 dias.